Pesquisar este blog

Traduzindo

terça-feira, 3 de julho de 2012

Registros do Grupo de Cura Emocional - Junho/2012




O encontro de junho foi na praia do Recreio. Nunca combinamos previamente o que fazer. Essa mandala do centro do grupo foi feita com a contribuição de cada um. Uns levaram cristais, outros flores, outro um oráculo... O resultado foi esse. Uma linda mandala dando sustentação ao trabalho. 

Intuitivamente recebi a sugestão de fazer os encontros quinzenalmente e venho adiando isso por vários motivos. Então, a partir de julho, os encontros serão quinzenais. As datas serão divulgadas aqui no canto superior direito acima da minha foto. 














 É sempre surpreendente como as coisas vão acontecendo sincronicamente. Trabalhamos o perdão, fazendo a visualização da Escada da Luz Dourada.


Crie uma bela campina na sua mente e veja ali a si mesmo junto com alguém que você está tendo dificuldade para perdoar. 

Não negue os seus sentimentos. 
Apenas deixe que eles sejam aquilo que são. 

Enquanto olha para essa pessoa, você pode querer rever todas as circunstâncias infelizes do seu relacionamento.

Agora, volte-se. 
Veja a escada dourada atrás de você. 
Comece lentamente a subir o primeiro dos sete degraus. 
Seja decidido e consciente em relação a cada degrau. 
Sinta o calor que está envolvendo você. 
À medida que você sobe degrau por degrau, o calor aumenta.

Agora, olhe para cima. No topo da escada, veja o ser radiante cujas mãos estão estendidas para você. À medida que você se aproxima do topo, esse ser se adianta para ajudá-lo a subir a última parte. 

Quando você chega lá, com suas mãos nas dele, esse ser olha bem fundo nos seus olhos e o abraça. Você compreenderá que tudo o que já fez é conhecido e inteiramente aceito por ele. 

Você é amado incondicionalmente. 
Faça o possível para aceitar isso totalmente. 
Reconheça a cura que está ocorrendo.

Ao se desfazer do abraço, veja que também você está brilhando com essa Luz dourada. 

Agora, volte-se e olhe para baixo, para a pessoa que está sentada ao pé da escada. 

Como ela lhe parece de onde você está? 

Você consegue ver a humanidade, a vulnerabilidade dessa pessoa? 

Você tem vontade de compartilhar a cura que acabou de receber? 

Então desça a escada, pegue a mão dessa pessoa, olhe dentro dos seus olhos e, vendo tudo, escolha o amor com estas simples palavras: “Eu perdôo você”


Esse exercício, feito com sinceridade, não é nenhuma fantasia. Você está realmente começando a alterar a energia entre você e a outra pessoa.

Acontecimento por acontecimento, pessoa por pessoa, decepção por decepção, nós colocamos em ação a alquimia da mudança consciente. 

No início, decidimos liberar as injustiças pessoais. Ao praticar nossas habilidades espirituais, com o tempo seremos capazes de liberar as sombras na mente coletiva até que um dia também nós possamos dizer, com total clareza: “Perdoa-lhes porque não sabem o que fazem”

Nesse meio-tempo, entregue-os ao céu. 

Com o tempo, a Lei Universal acabará por colocar todas as coisas em equilíbrio.


As 7 Etapas de Uma Transformação Consciente, p. 243



Esse exercício é denso e nem sempre conseguimos perdoar na primeira vez em que o fazemos. Recomenda-se repetir sempre, com pessoas e situações variadas. Para talvez trazer leveza ao grupo, Ana Janiques foi intuída a trabalhar com a energia do beija flor, com sua alegria e leveza de suas asas coloridas e suaves.

 





Gladys Cerqueira trabalhou com o oráculo. Agradeço a Ana e a Gladys pela disponibilidade nesse trabalho. 
O depoimento de cada pessoa presente me deixou muito feliz e emocionada. Ver a transformação das pessoas em suas descobertas sempre toca meu coração. A continuidade desses encontros trazem transformações para a vida diária. Voltar-se para sua sombra torna possível trazê-la à luz, para ser curada. E isso trás clareza, tranquilidade e confiança. A felicidade é aqui, no AGORA, fazendo o que for preciso para viver com alegria.







Então a noite foi chegando...



 O tambor xamânico e o canto do beija flor (surpreendentemente à noite) fecharam nosso trabalho. 
Deixo aqui também a oração xamânica levada pela Ana Janiques. Essa oração esteve na novela Amor Eterno Amor (das 18h).

Oração Xamânica
Aceito as forças da natureza que guiam meus caminhos
Expresso a vontade do grande espírito em minha jornada
Revelo a pureza de minha alma nas trilhas de meu dia
Me uno aos espíritos da floresta e aceito seus sábios conselhos
Acolho a voz de meus ancestrais e aprendo a ouvir meu coração
Caminho com coragem e supero minhas provações
Confio na luz e me entrego ao amor.

E Assim É.









Angela Cunha


(fotos: Nelson Paes)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...