Pesquisar este blog

Traduzindo

domingo, 20 de março de 2011

Divulgando: Grupos de Ajuda


Os sites desta lista são de GRUPOS DE AJUDA
São "irmandades" onde todos compartilham suas experiências e dificuldades comuns de forma sigilosa, respeitosa e com um único objetivo: melhorar-se para viver melhor. 
Nenhum está vinculado a qualquer religião ou partido político e todos são totalmente gratuitos.




FUMANTES ANÔNIMOS - GRUPO RENASCER
http://www.fumantesanonimos.org/
Fumantes Anônimos é uma irmandade de pessoas
que sentiram o poder da adicção à nicotina.
Encontramos uma solução, uma maneira de viver e crescer sem nicotina, e compartilhamos isto livremente com os outros e com cada um que deseje juntar-se a nós.
 

ONEOMANIA - GASTADORES COMPULSIVOS
http://saudealternativa.org/2007/05/oneomania-gastadores-compulsivos-uma-doenca-cada-vez-mais-frequente/
O ato de comprar indiscriminadamente é uma doença chamada oneomania, que atinge as pessoas caracterizadas como compradoras compulsivas.
A oneomania é um distúrbio bastante controvertido do ponto de vista psiquiátrico e psicológico.
 
AMOR EXIGENTE

http://web.onda.com.br/charlesb/amorexig/index.htm 

Uma proposta de educação destinada a pais e orientadores, como forma de prevenir e solucionar problemas com seus filhos ou alunos. 

D.A.S.A - DEPENDENTES DE AMOR E SEXO ANÔNIMOS

http://www.slaa.org.br/br/index.htm
DASA- é uma Irmandade cujos fundamentos são os 12 Passos e as 12 Tradições. Está baseada no modelo adaptado de Alcoólicos Anônimos, para o DASA. O único requisito para ser membro, é ter o sincero desejo de libertar-se da Dependência de Amor e Sexo.

NEURÓTICOS ANÔNIMOS

http://www.neuroticosanonimos.org.br/ 
Neuróticos Anônimos é uma Irmandade formada por homens e mulheres que compartilham suas experiências, fortaleza e esperança para resolverem seus problemas emocionais comuns e assim, se reabilitarem da doença mental e emocional.

DEVEDORES ANÔNIMOS

http://www.devedoresanonimos-rj.org/informacoes.html
Para auxiliar pessoas que sofrem da Oneomania foi criado um grupo conhecido como Devedores Anônimos - D.A., tem o propósito de ensinar seus membros a reaprender a lidar com o dinheiro e para isso realizam cálculos das despesas domésticas e as relacionam com os ganhos mensais da pessoa.

EMOCIONAIS ANÔNIMOS

http://www.ajudaemocional.com.br/ 
Reconhecer as nossas limitações é nossa grande vitória!
Fazer alguma coisa para vivermos mais felizes é nosso direito!

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS

http://www.alcoolicosanonimos.org.br/ 
Alcoólicos Anônimos é uma irmandade de homens e mulheres que compartilham suas experiências, forças e esperanças, a fim de resolver seu problema comum e ajudar outros a se recuperarem do alcoolismo.

AL-ANON

http://www.al-anon.org.br/novosite/ 
Para familiares e amigos dos alcoólicos

COMEDORES COMPULSIVOS ANÔNIMOS

http://www.comedorescompulsivos.com.br/ 
É uma irmandade mundial de indivíduos que,
compartilhando experiências e apoio mútuo,
estão se recuperando do comer compulsivo.

DISTÚRBIOS ALIMENTARES - ANOREXIA E BULIMIA

http://www.saskiapsicodrama.com.br/disturbios-alimentares/
Os Distúrbios Alimentares- são doenças de caráter psicológico e sócio-cultural, que comprometem a vida e o destino de adolescentes e mulheres jovens.
São caracterizados por distúrbios de conduta alimentar, geralmente acompanhados de preocupação com a comida, com a imagem corporal e relacionam-se freqüentemente com os transtornos depressivos.

NARCÓTICOS ANÔNIMOS

http://www.na.org.br/portal/ 
NA é uma irmandade mundial, sem fins lucrativos,
ativa em mais de 130 países.
Somos adictos em recuperação, que nos reunimos regularmente, sobrevivendo a todas as adversidades. Percebemos que, finalmente há esperança para nós.

MULHERES QUE AMAM DEMAIS ANÔNIMAS

http://www.grupomada.com.br/site/ 
MADA é um programa de recuperação para mulheres que têm como objetivo primordial se recuperar da dependência de relacionamentos destrutivos, aprendendo a se relacionar de forma saudável consigo mesma e com os outros.

JOGADORES ANÔNIMOS - JOG-ANON

http://www.jogadoresanonimos.org/joganon1.html
Jog-Anon é uma Irmandade de homens e mulheres que são maridos, esposas, parentes e amigos chegados de jogadores compulsivos

Este é para atendimento individual:
CENTRO DE VALORIZAÇÃO DA VIDA (CVV) 
http://www.cvv.org.br/ 
O CVV é um programa de prevenção ao suicídio e valorização da vida, adotado por diversas instituições mantenedoras pelo Brasil, e concretizando-se como Posto CVV, se caracteriza por ser movimento filantrópico, civil sem fins lucrativos e desvinculado de religiões e política.



(Divulgando e-mail recebido da amiga Maria Lucia através do Grupo Terra Luz)

sexta-feira, 11 de março de 2011

Mensagem Canalizada Sobre a Época Que Vivemos


Os tempos de agora que estão sobre nós são aqueles nos quais estiveram trabalhando por eras de tempo. Vocês estão tendo sucesso em cada respiração que fazem. Saibam que a sua poderosa dedicação e sua boa vontade em tomar parte nas meditações de âmbito mundial e em toda e qualquer oportunidade que têm para estarem juntos em dias de alto poder espiritual para efetuarem mudanças positivas e amorosas sobre esse planeta, está ajudando enormemente para a realização delas. Isso está acontecendo agora, Amados e não é em algum lugar no futuro, é agora; pois o tempo por si está coalescendo na unidade, tornando-se mais esclarecedor e mais claro de que o tempo e espaço são uma dobra de si mesmo e que algo novo e maravilhoso está para nascer. À medida que isso acontece na consciência telepática da "web"da Humanidade, conforme se interconectam umas com as outras através de seus campos de energia individuais, dá-se um crescimento desses campos em saltos.

É como um efeito dominó, pois quando um Ser se eleva através da Luz que vem do seu interior e se conecta com a sua bondade interna e começa a desejar um caminho melhor e um modo de vida melhor para si e para os seus Entes Queridos, a sua bondade individual e a sua Luz crescem, se expandem para fora em grandes círculos concêntricos de influência que se conectam com outras energias semelhantes.

Agora, isso é o que está acontecendo em concerto com a incalculável Legião de Irmãos Galácticos e Irmãs da Luz que têm prestado assistência nesse Grande Trabalho. Vocês não estão sozinhos nesse esforço. Cada um de vocês está circundado e é assistido por todas as maneiras possíveis, ambas visíveis e invisíveis, para lhes capacitar a Ascenderem para uma consciência superior e vocês por sua vez, assistem e capacitam aos seus irmãos e irmãs que estão em sua volta a fazerem o mesmo. Logo, a Luz e ondas de Amor que estarão inundando esse Planeta, irão afetar a cada um com energia amorosa e irão libertar tudo daquilo que a Humanidade teve de suportar por um tempo demasiado longo. Uma grande paz chegará sobre a Terra fazendo com que um novo caminho irá nascer a partir daí.

Coragem, Queridos, persistam e continuem a persistir, pois as suas energias combinadas de vontade e poder estão crescendo como uma poderosa e inacreditável Força do Bem. Permaneçam firmes e orgulhosos de suas realizações, Amadas Crianças da Luz!

E assim isso é !

EU SOU Melchizedek
Discursos Semanais de Melkizedek
Através de Marlene Swetlishoff
8-15, Março, 2011 (apenas parte do texto)

Tradução: Helena Renner helenarenner@yahoo.com.br
©2009 Marlene Swetlishoff
Esta mensagem pode ser compartilhada com outras pessoas desde que os direitos autorais sejam respeitado citando o autor e o link http://www.therainbowscribe.com/.
Obrigado por incluir o link do website quando compartilhar esta Mensagem com outros
Extraído:http://www.luzdegaia.org/marlene/hilarion/ascensao_do_planeta.htm

domingo, 6 de março de 2011

Depressão


 Sem vontade de fazer nada. Sem vontade de levantar. Para quê? Fazer
comida? Limpar a casa? Procurar trabalho? Amanhã. Hoje não. Dá para ver
um pouco de televisão. Dá para chorar e rir. Chorar é mais fácil.
Lê o jornal e "Que mundo horrível!". Não dá vontade de fazer nada. Um amigo
convida para o cinema. "Hoje não, tenho compromissos." Compromisso com a
cama, com o sofá, com o suco, a comida que pede por telefone.
Só em questão de absoluta emergência tem de se vestir para ir ao banco. Toma banho, "Ah! Que delícia!".
As roupas ficaram apertadas. E agora? Veste com o zíper aberto, um casaco
por cima. Uh! Para o sacrifício da rua, das pessoas, do mundo sujo e
torpe, sem esperança, sem motivação, sem nada.
Como se fosse
branco-e-preto o colorido do céu azul, a nuvem branca, a parede
vermelha, a roupa verde, o sol dourado, a criança correndo, a senhora de
bengala, o executivo apressado no celular sem parar.
Caixa de banco,
olha para a fila e suspira. Chegou mais um. Ninguém me ajuda. Disseram
que o caixa eletrônico resolveria. Devagar vai atendendo - afinal, tem
tanto tempo e precisa não errar.
Na fila já se irrita. Demora demais,
que horror. Pensa que eu tenho todo o dia? Cara fechada, ranzinza.
Briga com um e com outro e se autoconfirma: "O mundo não presta, as
pessoas são más".
Volta para casa com sacolas de compras, de roupas, comidas, revistas, livros, CDs e DVDs.
De novo se enfurna na internet. Joga paciência, procura amor virtual
ouvindo música alto, cantando, para afastar o pranto. Conta piada no
telefone, reclama das contas, das pessoas, do desemprego, das
dificuldades. Retorna para a TV, para o DVD, para a cama - ninho
precioso, local abençoado, livre de tudo e de todos.
Encolhe-se de lado e dorme. Sonha com anjos e lobisomem. Campos de flor-
e trovadores. Campos arados e queimados. Bombas, pavores, amores,
tremores. Vira do outro lado e sonha.
Se um dia sonhasse que acordava. O que perceberia?
Depressão é passageira. Mesmo que esteja na direção, no controle central. Vem e
vai. Não se apegue. Não a segure. Deixe-a partir. Ela sai de leve se
você pára de reclamar. Se olhar para fora de sua gaiola. A porta está
aberta, a grade é de vento.
Será que Buda saberia ajudar a acabar com
a depressão? A pessoa até quer sair dessa trama, mas não consegue. Está
amarrada, presa, enroscada. É infeliz, sofre demais, doença danada.
O que é saúde? Cinco frutas por dia, dizia um senhor ao meu lado. Apenas a garça voando baixinho de volta ao ninho.
 

De repente, abre a janela, respira fundo, parece que ela se foi.
Arruma o quarto, guarda as roupas, leva outras para a lavanderia, toma banho,
se veste, lê o jornal, toma café, sai para levar o pobre do cão a
passear. Cumprimenta as pessoas, sorri.
Aquece-se com o sol. Árvore frondosa abraça e se firma. Vai fazer cursos, procura emprego, namora e se entrega à vida sem medo.
A depressão se foi.
Tudo é possível, mas fica uma sombra: E se ela voltar?
Não adianta fechar as janelas, pôr tranca nas portas, se esconder em algum altar. Ela pode voltar.

Então a receba, com dignidade. Conhecida deprê, venha me ver. Estou preparada
para recebê-la. Conheço sua manha, suas trapaças. Conheço bem os seus
disfarces. Já não me controla, já não me derruba, apenas me deixa com
mais algumas rugas.

Monja Coen
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...