Pesquisar este blog

Traduzindo

quarta-feira, 22 de junho de 2016

Cristais - Como Usar Para Se Energizar


Realizamos o Módulo I em junho com sucesso.
Turma maravilhosa e interessada em novos conceitos.
Nesse módulo aprendemos como usar alguns cristais nos chacras para equilíbrio e saúde.
Como escolhê-los, limpá-los, energizá-los e programá-los.

No módulo II, que vai acontecer no dia 30 de julho, das 9h às 16h, vamos aprender:

- Como Fazer Elixir de Cristais
- Como usar cristais em outras pessoas, inclusive à distância.
- Como fazer mandalas de cristais.
- Como usar cristais para trabalhar situações específicas. 
   Por exemplo, prosperidade, saúde, relacionamentos.
- Significado de outros cristais.
- Como usar o pêndulo para avaliar sobre os chacras e os cristais corretos para tratá-los.
- Prática na maca.



Local: Taquara, Jacarepaguá - RJ
Troca: 70 reais.
Data: Dia 30 de julho, sábado, das 9h às 16h.
Inclui ensinamentos, apostila e almoço leve.
Contato e inscrições: Joice (tel: 97022-8631)

Junte-se a nós, se sentir o chamado.
Namastê.

Angela Cunha
Espaço Terapias Integradas

segunda-feira, 20 de junho de 2016

RITUAL DA CURA E HARMONIZAÇÃO


RITUAL DA CURA E HARMONIZAÇÃO
Ritual Intuído por Shaiane Mejolaro
Mensageira Angelical

O ritual deve ser realizado por um período de 21 dias consecutivos e serve para atrair cura e saúde física, mental e espiritual para quem o realiza...


Pegue uma garrafa verde, coloque um cristal de quartzo transparente dentro da garrafa, coloque água mineral, peça que o raio verde esmeralda energize esta água, após deixe algumas horas ao sol para potencializar a energização desta.... tomar dois copos por dia desta água ...

Vamos iniciar, sentando-se em local calmo e tranquilo, caso queira pode acender uma vela ou incenso e colocar uma música calma ao fundo, fique á vontade... respire profundamente algumas vezes... até sentir que todo o seu corpo está relaxado e mais leve...

Agora, simplesmente, invoquem a luz turquesa, branca e perolada para envolvê-los como um pilar de luz para a sua proteção e a do ambiente ao seu redor. Para que esta a torne invisível, invencível e invulnerável a tudo que não for divino, perfeito e da luz...

Obrigada por atender ao meu pedido amado Deus....

Digam em voz alta, após, cada decreto:

"Amados seres de luz, queiram começar o seu processo de síntese em meu ser para apoiar a minha cura física, mental e espiritual em todos os meus corpos e em todas as dimensões paralelas a esta e peço a harmonização em todos os aspectos do meu ser. Obrigado."

1 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Cardiovascular, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

2 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Respiratório, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

3 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Digestório, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

4 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Nervoso, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

5 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Endócrino, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

6 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Excretor, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

7 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Urinário, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

8 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Esquelético, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

9 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Muscular, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

10 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Imunológico, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

11 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Linfático, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

12 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Sensorial, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

13 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Reprodutor, sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

14 - Que todas os átomos, células e órgãos que compõem o meu sistema Tegumentar(pele), sejam renovadas e purificadas para que trabalhem em perfeita harmonia com o meu ser Divino e eterno que Eu Sou. 

15 - Que todos os seres vivos que aqui habitam, tenham o seu corpo preenchido com a mais luminosa luz verde esmeralda de cura e purificação para que possam se tornar os seres Divinos que são. 

16 - Peço a Arcanjo Rafael e todos os elementais que iniciem o processo de cura e harmonização de nossa amada Gaia, para que ela volte a ser um planeta de vida plena e de única beleza como sempre foi.


DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
Fonte - Conversando com os Anjos
http://mensageiraangelical.blogspot.com.br

domingo, 19 de junho de 2016

O PRESENTE DAS ESCOLHAS



O PRESENTE DAS ESCOLHAS
Mensagem de Jennifer Hoffman
15 de Junho de 2016

O caminho da ascensão é um ciclo de opções e de escolhas, onde cada escolha se torna a base para o próximo ciclo. Assim, não pode haver escolhas erradas ou maneira errada de escolher.
  
Cada escolha está baseada no desejo da alma pela totalidade integrada e a congruência. Saber que é o momento de fazer uma escolha é a confirmação de sua conclusão em um ciclo cármico. E quando você compreende o seu poder de escolher, você dá aos outros a dádiva da liberdade para escolher os seus novos potenciais, também.

As ligações energéticas que o mantém alinhado aos ciclos cármicos com os seus grupos de alma surgem de escolhas com base no trauma de uma experiência cármica. Estas escolhas estão baseadas na culpa, no medo e na tristeza. O caminho de vida que elas criam se baseia na expiação (aceitação), na cura e nas obrigações com os outros.

Quando você escolhe novos caminhos e pode fazer novas escolhas para a sua realidade, você alinha a sua energia com o seu novo caminho e presenteia o seu grupo de alma com o potencial de fazer novas escolhas para eles mesmos. Eles farão estas escolhas quando puderem se alinhar com uma frequência superior e liberarem o seu carma.

O alinhamento cármico perde o seu poder quando uma nova escolha é feita por um membro do grupo de alma. Quando os ciclos cármicos perdem os seus membros, eles também perdem a sua coesão e o seu poder.

Cada pessoa que aceita o seu poder e se liberta do carma do seu passado, fazendo uma escolha pela alegria, a liberdade, a paz, o amor e a autoconsciência, cria também uma possibilidade de que os membros do seu grupo de alma escolham deixar o caminho cármico.

Isto é um presente, não uma obrigação e cada pessoa escolherá de acordo com as necessidades do crescimento de sua alma, com o alinhamento, totalidade e intenção.

A tentação de acreditar que todos devem fazer a mesma escolha afasta a capacitação e o presente que a sua escolha proporciona. É a alma mais amorosa, esclarecida e consciente que tem a coragem de sair de um ciclo cármico. E esta escolha permite ao resto do grupo de alma saber que eles podem escolher além do seu caminho cármico.

Mas acreditar que todos devem querer a mesma escolha, ou querer terminar os seus ciclos cármicos e terem concluído a sua cura, é uma fonte de perda de poder para aqueles que não podem estar alinhados com isto, como um potencial para a sua própria jornada.

Concentre-se em seu próprio caminho e jornada agora, esteja consciente das escolhas que abrem seus novos caminhos de potencial, que criam o alinhamento livre do carma, e que integram a intenção de sua alma para a plenitude em sua jornada.

Aceite o seu poder de fazer as escolhas que estão plenamente alinhadas com a sua intenção pela presença da energia da paz, do amor e da alegria em sua realidade.

Então, ofereça as suas escolhas capacitadas como um presente para o seu grupo de alma e lhes permita a liberdade de suas escolhas, enquanto você forma novos caminhos, longe do carma e a densidade do destino na manifestação criativa que reflete o seu poder e intenção de viver na alegria da escolha poderosa e na liberdade de viver livre do carma.

Ofereça o seu dom de escolher sem arrependimento ou expectativa e seja a inspiração para o que é possível quando escolher a partir da coragem e do alinhamento capacitado com o seu potencial mais elevado.


DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
http://enlighteninglife.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

quinta-feira, 9 de junho de 2016

APÓS A RESSURREIÇÃO... GÁLIA


APÓS A RESSURREIÇÃO... GÁLIA


Jeshua ben Joseph (Jesus)
Mensagem canalizada por Judith Coates

Amados, continuarei com a história da minha vida. O que eu quero compartilhar com vocês é como eu via a minha vida. Pode ser que outros digam: “Mas, não é isto o que eu ouvi”, e isto está bem. Eu não iria ficar na frente de alguém e lhes dizer que eles estão errados. Digo-lhes somente o que me lembro e como eu o experienciei.


Após a crucificação e no dia da ressurreição quando eu saí do túmulo e estava em meu resplendor – mais do que eu tinha esperado – eu tive que me ajustar à frequência da luz, de modo que pudessem me ver e me verem como o ser humano que eles tinham conhecido.

Vocês têm a história em suas Sagradas Escrituras sobre o encontro com dois homens que caminhavam pela estrada para Emaús, e eu lhes perguntei: “Qual é a novidade? O que está acontecendo?” Eles me disseram que um grande mestre, um rabino, tinha sido crucificado junto com dois outros no dia anterior.

Enquanto eu caminhava e conversava com eles, perceberam quem eu era. Eu lhes disse: “Tudo o que eu posso fazer e fiz, vocês também podem.” , mas eles não acreditaram em mim. Mas, posteriormente, eles também ressuscitaram o corpo, porque eles sabiam que o corpo é uma criação da energia divina.

Voltei para Betânia, para a casa onde nos encontramos na noite anterior à crucificação e fizemos a refeição da Páscoa. Voltei para a Betânia, que era o lar de Marta, de Maria e de Lázaro, e me uni aos discípulos, com a minha mãe, com Mariam (Maria Madalena), com cada um dos amigos que queriam ser lembrados de que eu não estava mais no túmulo.

Mas Betânia não era o que vocês chamariam de um lugar seguro, porque é muito próximo à Jerusalém, e havia rumores de que eu não tinha morrido na cruz. Na verdade, houve rumores de que não fui eu o crucificado, que outra pessoa tinha tomado o meu lugar.

Assim, não ficamos lá muito tempo. Viajamos para o norte, para irmos à Nazaré, mas não fomos tão longe. Fomos até a área conhecida como Arimatéia, onde vivia o tio de Mariam, José. José era um bom homem de negócios e tinha muitos navios que viajavam para Britânica – a Grã-Bretanha como vocês a conhecem agora – onde ele tinha minas de cobre e tinha um grande comércio de mineração.

Foi onde permanecemos por algum tempo e, enquanto continuavam os rumores de que o rabino não tinha morrido ainda e os soldados estavam ainda à procura de qualquer personagem que pudesse ser eu, ou a mim associado, foi um momento de grande temor para aqueles que tinham me seguido, os discípulos e as multidões. Se eles dissessem que eram meus amigos, era um momento para o medo.

Assim, havia muitos que estavam se mantendo em silêncio e havia uma busca silenciosa por algo que seria incomum. Os soldados estavam em ação, assim sabíamos que precisávamos ficar em silêncio sobre onde estávamos. Sabíamos também, que oportunamente precisaríamos abandonar a área.

Havia orientação que dizia: “Vocês viajarão e irão encontrar outros, em outras terras.” Mariam concordou, e os dois filhos que tinham nascido no período entre o meu retorno da Índia e do Tibete.

Agora, José de Arimatéia tinha vários navios, grandes navios que poderiam transportar os minerais que ele extraía. Os navios naquele tempo usavam o poder do vento, não a tecnologia que vocês têm hoje em dia, e ele disse: ”Vocês podem usar um dos meus navios. Tenho um navio que irá para a Grã-Bretanha, muito em breve, e se você, Mariam, Benjamim e Sara quiserem ir neste navio, irei providenciá-lo para vocês”.

E assim ele fez, e eu sabia que seria o curso mais seguro, mais tranqüilo, que aquilo não interromperia as atividades contínuas das multidões que ficaram tão encantadas com a minha mensagem e com os discípulos.

Então, eu pensei: “Se eu partir, então eles poderão retornar ao que eles se lembram dos ensinamentos e levarem uma vida mais tranqüila. Todos os rumores irão terminar.”

Assim, fomos para o que era conhecido, naquela época, como o Porto de Jope. Como vocês sabem, todas as cidades e a geografia tinham mudado os nomes ao longo do tempo e assim o que era o pequeno, mas muito ativo Porto de Jope, tornou-se parte do que é agora a sua Tel Aviv.

Tel Aviv tinha um grande fluxo de população, e ela tinha incorporado ou absorvido um pouco da zona rural que costumavam ser as cidades pequenas e um pequeno porto, mas muito agitado, e é aí que José de Arimatéia tinha sua frota de quatro grandes veleiros, como vocês os chamariam, embora eles realmente não parecessem os veleiros que vocês entendem neste dia e hora, porque eles tinham grandes mastros de velas.

E, assim, embarcamos – Mariam, Benjamim, Sara e eu. Minha mãe quis vir e ela veio, mas mais tarde. Ela veio mais tarde e se uniu a nós. Tivemos uma aventura, porque estávamos navegando para determinadas ilhas, determinados portos, pois os homens do veleiro precisariam adquirir suprimentos. Ficávamos em silêncio enquanto eles iam a vários portos, porque não poderiam saber que estávamos a bordo.

Fomos primeiro para Chipre, onde os homens pegaram alguns suprimentos e, então, partimos para a grande jornada para o próximo local, onde estaríamos parando. Mas houve um desvio no curso, devido a uma tempestade de primavera. Isto aconteceu várias vezes, de modo que chegou um momento em que não havia suprimentos suficientes de alimentos a bordo. Eles esperavam parar em outro porto, mas nos distanciamos mais para o sul do que era o esperado.

Os homens estavam muito preocupados. O que eles fariam para alimentar a tripulação e a nossa família?Assim, eu disse: “Vocês não têm que se preocupar. Vocês têm que manifestá-lo. Apenas estendam a sua mão e saibam que o pão lá estará”. Eles olharam para mim como se dissessem: “Eu acho que não acredito nisto.” Mas eles apostaram nisto, porque eles estavam famintos, e as contrações na barriga falavam mais alto do que o questionamento.

Assim, eles estenderam as mãos, fecharam os olhos e esperaram, e isto aconteceu, de modo que todos os homens a bordo foram alimentados. Isto não aconteceu de uma vez, porque alguns estavam mais inflexíveis em seu pensamento, por isto foi necessário mais tempo para que aceitassem que isto poderia acontecer.

Nós viajamos durante muito tempo a bordo do navio. Sara era muito jovem. Benjamim estava em uma idade em que ele estava muito interessado em como as velas funcionavam e como o navio se movimentava e como tudo sobre a navegação estaria acontecendo. Ele absorvia tudo, porque ele era muito curioso e muito engenhoso sobre o que ele compreendia.

Depois de um longo tempo – e pareceu ser um longo tempo porque, novamente, o curso que era estabelecido, nem sempre era o curso que os ventos queriam seguir – nós viemos então para a parte sul do que era conhecido como Gália, que vocês conhecem como a França e a região do Mediterrâneo, sul da França.

Paramos em um porto muito pequeno porque não queríamos publicidade. Desembarcamos lá e, então, os navios continuaram em sua viagem para Britânica, para fazerem a sua mineração.

Foi uma aventura para Mariam, para mim e para os filhos. Foi uma aventura na consciência, bem como humana, porque estávamos viajando com os corpos e, ao mesmo tempo, a consciência tinha se expandido com a crucificação, com a ressurreição e com a ascensão.

Este é um bom tema para trazer agora – a ascensão – porque, sim, eu permiti que as moléculas do corpo se tornassem como Luz, o que elas são no estado normal, e eu permiti que a ascensão acontecesse.

Mas eu não me afastei de todos ao ascender. Isto foi parte da história que lhes foi entregue, que eu, porque fui tão santo, ascendi ao céu para o Pai e que até hoje eu me sento à direita do Pai, olhando para vocês e julgando todas as suas atividades. Bem, isto não é verdade.

Em primeiro lugar, eu não julgo. Tudo é sua escolha para experienciar e – ouçam isto bem – nada é uma escolha errada. Tudo o que vocês escolhem, leva-os ao próximo passo para entender a expansão de si mesmos. Assim, não há escolhas erradas. Suas ordens religiosas e filosóficas os fariam fazer penitência por muitas das escolhas, mas eu não julgo.

Eu não me afastei de vocês ao ascender. Eu retornei. Quis estar com vocês e sabia que havia muito mais na vida, muito mais para a aventura. Mas eu quero que vocês ouçam isto bem, que realmente eu não posso me afastar de vocês. Estou sempre com vocês. Estou a sua direita. Estou a sua esquerda. Estou à direita do Pai. Estou à esquerda do Pai. Sento-me até em Seu colo, como vocês também.

Não há separação, embora na compreensão humana vocês vejam corpos e reuniões de energia e dizem: “Isto é tudo o que há.” Mas além do contorno do corpo, seus cientistas, seus fotógrafos estiveram lhes mostrando a aura da energia ao seu redor, que não está contida no corpo. Está além do corpo e se estende tanto quanto possam imaginar.

Assim, eles já estão lhes provando que a sua energia não para na borda da pele.
Vocês são, como dissemos muitas vezes, energia sempre contínua, criando sempre.

Assim, desembarcamos em um pequeno porto, ao sul da França, ligeiramente para o oeste do Rio Rone, que sobe para as tribos Germânicas, mas era parte da França, ou Gália, como era então chamada, e ficamos na periferia deste porto por algum tempo e contamos a história de que tínhamos viajado das casas de parentes, ligeiramente para o leste. Receberam-nos na pequena aldeia e lá permanecemos.

Sabíamos que estávamos na energia da divindade, da Luz, e que, a cada momento, estávamos re-criando o corpo, assim não envelhecíamos. Agora, Benjamim e Sara queriam envelhecer. Eles queriam crescer, e assim aconteceu.

Mas Mariam e eu gostávamos de estar no auge da vida e, assim, continuamos no que vocês chamariam agora de seus 30 e 40 anos muito saudáveis e fortes, desfrutando da vida.

Quando se tornava perceptível que não estávamos envelhecendo como os outros na aldeia, nós dizíamos que tínhamos parentes que tínhamos que visitar em outras partes de Gália, ou Germânica, ou outras regiões. Isto foi feito ao longo do tempo. Não foi imediato, mas à medida que o tempo avançava e quando isto se tornava um pouco mais perceptível, nós seguíamos em frente.

Tivemos outros filhos biológicos, porque nos amávamos e porque queríamos ser criativos – como vocês fizeram em suas vidas. Tínhamos os filhos biológicos, mas também tínhamos aqueles da aldeia que se os pais tinham falecido, por algum motivo ou outro, nós os acolhíamos em nossa casa, assim tivemos uma grande família após algum tempo e os víamos crescer e brincar uns com os outros e mostrarem as suas personalidades.

Compartilhamos com as crianças que estavam abertas a isto o que conhecíamos da Realidade – com “R” maiúsculo. Agora, nem todas elas estavam interessadas. Como vocês têm hoje em dia, há alguns dos seus jovens e alguns dos seus adolescentes que têm o foco em outras coisas, e eles não tinham um interesse em conhecer nada, além da agricultura, de galinhas, cabras e eles estavam muito felizes, assim os deixamos sendo felizes.

Mas outros se aproximariam e fariam perguntas.
Se eles perguntavam, nós respondíamos.

Fizemos muitas viagens. Fomos até para Britânica e visitamos as minas de José. No momento em que chegamos à Britânica, José tinha falecido, mas estava em espírito e veio conosco. Podíamos vê-lo, podíamos interagir com ele, podíamos falar com ele, e ele estava muito interessado em ver o desenvolvimento da mineração que ele tinha visto quando era mais jovem, quando ele começou o seu negócio.

Assim, ele lá esteve. Muitos de nossos amigos de Nazaré, Monte Carmelo, Jerusalém, Betânia, Belém, aqueles que tínhamos conhecido, depois de falecerem, vieram e se uniram a nós. E porque sabemos que ninguém nunca nos deixa – não é possível – nós podíamos vê-los. Podíamos interagir com eles. Se eles quisessem, eles poderiam nascer novamente no mundo físico, e alguns o fizeram, ou eles poderiam apenas ficar como os seres espirituais que eles são.

Isto se passou em torno de 150 a 200 anos. Agora, eu lhes disse outras vezes que a minha vida foi de 600 a 700 anos, como vocês medem o tempo linear, e isto foi porque eu estava desfrutando da vida no físico, embora eu soubesse que eu não me limitava ao físico.

Assim, dei-me o tempo para viajar por toda a sagrada Mãe Terra e interagir com aqueles que viviam naquelas regiões, e é por isto que eu tenho histórias, as lendas que Maria, a minha Mariam, que esteve em várias partes da França, da Alemanha, Polônia, em todos os países, porque viajávamos para lá e ela deixou a sua marca, e eu também o fiz em várias partes. Assim, vocês têm várias histórias e lendas neste dia e hora.

Muitas das crianças vieram conosco, enquanto eles cresciam. Muitas, não; elas permaneceram em suas aldeias, porque fizeram amigos, casaram-se e permaneceram na aldeia onde elas estavam felizes, onde elas tinham nascido, onde elas tinham uma história e viveram o que vocês chamariam de uma duração normal do tempo de uma vida humana. E, então, talvez, eles retornariam e assumiriam uma forma e nos encontrariam.

Houve acontecimentos muito surpreendentes, tais como quando vocês conhecem alguém de uma determinada aldeia e vocês os deixavam para trás, enquanto viajavam, o que nós fizemos, e vocês sabiam que eles estavam felizes vivendo a sua vida.

Eles encontravam uma menina na aldeia. Ah, ela era tão bonita que não havia nenhuma maneira de deixá-la, e assim vocês seguiam em frente, e mais tarde, esta mesma energia viria em uma forma diferente, como um amigo de outra parte da sagrada Mãe Terra e havia um reconhecimento disto, sim, eu os conheci antes. Eu os conheço, eu os compreendo. Há uma energia que é familiar.

E vocês sentiram isto nesta vida. Vocês se encontraram com aqueles e instantaneamente se sentiram no lar com eles. Instantaneamente foram capazes de se expressar a partir do seu coração com eles, e eles compreenderam. Instantaneamente, houve este sentimento de família.

E vocês se perguntaram: “Como pode ser isto?” Bem, é porque esta energia vocês conheceram antes, e esta energia pode mudar e assumir diferentes formas, mas é ainda a energia do amado que vocês conheceram.

Que assim seja.

Jeshua ben Joseph 


DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
http://www.oakbridge.org/
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

A CASA DOS ESPELHOS - DICAS PARA CLAREZA EM TEMPOS INQUIETANTES


A CASA DOS ESPELHOS
DICAS PARA CLAREZA EM TEMPOS INQUIETANTES
Mensagem de Selácia
9 de Junho de 2016

Viver agora pode ser perturbador e emocionante, ao mesmo tempo. Com tanto em fluxo em nosso planeta, pode ser intenso e inseguro – no entanto, a sua parte sábia sabe que algo de maravilhoso está em formação.


PAPEL DOS AGENTES DE MUDANÇA DIVINOS

Nestes dias, quando você se sentir estressado ou sobrecarregado com a multiplicidade de informações que chegam, reserve um tempo para se lembrar do novo e maravilhoso mundo que está surgindo.

CLAREZA NA CASA DOS ESPELHOS

Em alguns dias, você pode sentir como se estivesse vivendo em uma casa de espelhos. Muito está sendo refletido para você, de muitos lugares e dimensões. Pode ser incompreensível obter uma perspectiva sobre tudo o que você está experienciando e saber no que acreditar sobre a realidade que você está testemunhando.

Até agora você ouviu inúmeras vezes que a própria vida é o seu reflexo e que cada relacionamento que você tem ajuda a refletir para você algo que precisa ver ou compreender.

Exemplo: Você se envolve com um ente querido, por quem se apaixonou e vê o mundo através dos “novos olhos do amor”. Isto pode lembrá-lo de uma época em que você se sentia exatamente da mesma maneira e ajudá-lo a se lembrar da sensação de ser amado sem condições prévias. Isto pode fazê-lo sorrir.

Estes não são tempos comuns, na verdade. Durante um dia típico, você tem muitas coisas para focar e o constante desafio de priorizar as coisas. Você, como um ser, está sintetizando imagens e dados que recebe de forma ininterrupta, mesmo enquanto está em repouso.

Nestes momentos, nós temos mudado tão rapidamente que internalizarmos e darmos um sentido a tudo isto, pode ser um grande desafio. Muitas coisas que você encontrará em sua casa de espelhos pode ser uma associação de verdade e de ficção.

Como você obtém clareza?

Com sabedoria, você aprende a evitar a assumir as coisas que você vê literalmente e domina a arte da indagação. Você questiona o que vê, ouve e sente.

Ao invés de simplesmente rejeitar o que pode parecer como estranho ou mesmo perigoso – você reflete sobre o reflexo do que está sendo apresentado. Você pede uma visão mais elevada para compreender melhor a grande cena.

AS ENERGIAS CÓSMICAS – NETUNO RETRÓGRADO

É útil levar em conta as energias cósmicas atuais enquanto responde aos eventos, pessoas e aos seus próximos passos.

Exemplo: Netuno, o planeta das ilusões, das visões, da fantasia e da capacidade de contar o fato a partir da ficção, segue retrógrado em 13 de Junho, até 19 de Novembro, após as eleições dos Estados Unidos.

Durante este período de tempo, é vital aplicar ainda mais discernimento. Algo pode parecer uma coisa muito boa ou uma coisa muito ruim, mas o reflexo que lhe é mostrado pode ter distorções.

Da mesma forma, você pode obter uma forte orientação intuitiva para se mover em uma nova direção, no entanto, algo sobre esta escolha pode estar um pouco distante – como o tempo ou alguns outros detalhes. Portanto, questione as coisas com mais escrutínio. Aja de forma sensata.

Em seu mundo externo, se as notícias sobre a política ou outras questões parecerem muito tolas para até se preocupar, peça interiormente uma perspectiva mais elevada. Nada é completamente bom ou ruim. Olhe destemidamente para o que você vê, para que seja informado. Trilhe o caminho do meio, permanecendo consciente enquanto percebe o que um espelho está lhe mostrando.

GRANDES MUDANÇAS ESTÃO EM FORMAÇÃO

Sob a superfície das coisas está ocorrendo um surpreendente desenvolvimento na evolução da humanidade. Você sabe disto em seu âmago. Seu coração sabe disto.

Você entende, intuitivamente, que grandes mudanças estão em formação, ainda que os eventos mundiais ilustrem o oposto.

Sua alma quer que você esteja aqui agora, para estas mega-transformações da vida na Terra – não somente para testemunhá-las, mas para se envolver ativamente na criação delas.

Viva de forma suave nos próximos meses.
Seja gentil com você e os outros enquanto as coisas se manifestam.

Assista os fogos de artifício sem levá-los de forma pessoal, ou ser queimado por eles. Receba a alegria e as bênçãos de ser a luz que você é, sem insistir em conhecer todos os detalhes.

Aplique este mantra diariamente: “Eu agora deixo ir e confio que o Universo me apóia.”

DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - https://lecocq.wordpress.com
www.Selacia.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br

quarta-feira, 1 de junho de 2016

O Nascimento do Seu Coração Dourado



Tradução para o português no endereço:

Uma Mensagem Pleiadiana Através de Christine Day.

ETAPAS DA ASCENSÃO


ETAPAS DA ASCENSÃO 
Selácia 
por Maria Sílvia P. Orlovas
11/05/2016

O trabalho da Ascensão Planetária é feito por etapas.

Muitos serão chamados, porém, as pessoas, elas sempre podem escolher ouvir ou não.
Aceitar a transformação ou não.


As pessoas podem escolher seguir o caminho da autotransformação ou não.
Este é o jogo deste planeta – o Jogo do Livre Arbítrio.

Ainda que as coisas sejam boas, você pode escolher atender esse caminho ou não. Quando nós pedimos – quando nós sugerimos – o fortalecimento do Corpo de Luz, estamos apostando no fortalecimento da Fé, do princípio universal, que nutre cada ser encarnado.

Essa transformação do processo de ascensão, para o qual trabalhamos, caminha em etapas. Há um trabalho de ajuste emocional, o Corpo Emocional precisa crescer, se expandir e compreender as atitudes que vocês tomam e as atitudes que as pessoas tomam.

Quando o emocional de alguém funciona em equilíbrio, não dando vazão a estados negativos e buscando sempre a compreensão, a empatia e a resiliência, esse ser está evoluindo.

Observem por vocês...

Quando vocês se perdem, em raivas, brigas, críticas, maus pensamentos, vocês estão afastados desse eixo. Porque, aquela pessoa que compreende as questões emocionais, compreende o tempo das questões emocionais, compreende o desafio das outras pessoas, compreende as situações do Mundo – que são cíclicas, que se transformam –, ela encontra essa conexão e ela está em paz.

E as emoções em paz, dentro de você, propiciarão que tudo o que existe ao seu entorno, seja também tocado pela paz. Sejam pessoas que se permitam tocar pela paz. Não se consumam mais, por tantas emoções. Não se consumam mais por assuntos e coisas que vocês não podem resolver no momento.

E nesse estado, a pessoa avança para o patamar do Corpo Racional, da mente. Aqueles que conseguem equilibrar os pensamentos, aqueles que conseguem raciocinar com mais clareza, tocados pelo amor, tocados pela compaixão que já foi transbordada no Corpo Emocional e evoluiu para equilibrar o seu racional, essas pessoas estão em profunda evolução.

Vejam que vocês podem trabalhar esses dois corpos em paralelo. Observando as suas emoções e observando os seus pensamentos. É o momento de vocês despertarem para o seu poder. É o momento de cada um despertar para si mesmo.

Torne-se um observador das suas atitudes, dos seus pensamentos, dos seus sentimentos, das suas palavras. A transformação deste mundo acontece através dos indivíduos. E é por isso que o nosso trabalho é com cada um de vocês. Nós estamos tocando cada pessoa com a sua energia. Tocando em cada pessoa no seu momento de vida, no seu sentimento, na sua dor e na sua luz. 

O nosso trabalho é o despertar do Eu de Luz. E esse Eu de Luz só pode se manifestar quando existe: um Corpo Emocional mais equilibrado e um Corpo Mental mais equilibrado. Observem, se vocês raciocinam primeiro e sentem depois. Ou, se vocês primeiro sentem o peso das situações e depois raciocinam.

Aprendam a manifestar a sua luz, observando o seu comando pessoal. Porque, cada ser humano age de uma forma. Cada ser humano age de uma maneira diferente. Busque compreender a sua individualidade. E quando você compreender a sua individualidade, você estará apto a compreender a individualidade de outras pessoas. E com isso, julgar menos. E com este passo, amar mais.

São etapas. São etapas da evolução. São etapas da ascensão.

Não esperem um mundo perfeito para terem pensamentos mais harmonizados. Não esperem uma situação familiar equilibrada para doar amor. A vida pede a vocês justamente o contrário: quando houver desiquilíbrio, ofereça o amor; quando houver confusão, pense com clareza.

É exatamente o contrário. As pessoas esperam que esteja tudo bem para que elas possam se dedicar a sua evolução espiritual. E nós estamos dizendo a vocês exatamente o contrário: nas horas em que existe o conflito e a dor é que deve se direcionar profundamente ao espiritual.

E é nesse momento de mudança, que as Plêiades assumem a função de trazer Luz. A função de trazer o despertar do amor. De trazer a nossa energia, potencializada em amor, para cada um de vocês.

Não permitam que as suas pequenas mazelas, que os seus pequenos sofrimentos diários, impeçam você de ser quem você é. Não permitam que as tribulações do mundo, as angústias, afastem você do seu Eu de Luz. 

Não se peguem no tempo da sua encarnação, no seu tempo de vida, para justificar atos falhos. Jovens, os adultos e os velhos, enquanto estiverem encarnados, aqui estão para buscar a sua luz, para desenvolver o amor, para amar. Todo o tempo é tempo de amar.

Comecem com vocês, comecem abrandando o pensamento.
Comecem acalmando as suas emoções.

E quando você ver que você saiu do seu eixo – pensou coisas erradas, julgou, maldisse, ou deixou de acolher, deixou de entender, deixou de amar, ou caiu em sentimentos de tristeza profunda – volte para o seu eixo, volte para a sua luz, volte para sua condição de amor.

Cuide de si mesmo, estabeleça continuamente, um diálogo amoroso com você. Fortalecendo assim, o corpo mental e o corpo emocional. E com essas etapas vencidas, você é luz, você é amor, você é Uno com o Criador.

A serviço das Plêiades, Eu Sou Selácia. E ofereço a vocês o meu amor e a minha energia de cura e libertação. Estamos a serviços da ascensão.

E assim é.

Tenham Paz


DE CORAÇÃO A CORAÇÃO - http://www.decoracaoacoracao.blog.br
Fonte: mariasilviaorlovas.com.br 
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...