Pesquisar este blog

Traduzindo

quinta-feira, 20 de novembro de 2014

O PARAÍSO NA TERRA



Mensagem de Jeshua 
Canalizada por Pamela Kribbe
Março de 2014


Queridos amigos, eu lhes dou as boas vindas aqui hoje, e os saúdo do fundo do meu coração.
É um grande prazer estar com vocês. Admiro-os por sua coragem e perseverança.

Vocês vieram à Terra a fim de contribuir com alguma coisa neste momento de transição. Todos vocês carregam uma dádiva preciosa dentro de si – a dádiva que vocês mesmos são – e querem oferecê-la à Terra, porque a amam. Vocês já estiveram neste planeta muitas vezes e uma parte de cada um de vocês pertence a ele.


Vocês são portadores da luz e desejam trazer a luz para a realidade que foi imersa na escuridão, onde a escuridão representa o medo, a ignorância e o desejo de poder. Vocês mesmos se perderam nessa escuridão, por isto uma parte de sua missão é se familiarizarem com ela, para que possam encontrar a força interior para superá-la.

Vocês mergulharam na escuridão para descobrir como é a luz e experimentar a sensação de se redescobrir na Terra como um anjo de luz. A descoberta original ocorreu muito naturalmente, porque quando se está numa atmosfera de luz, amor e segurança, quase não existem fronteiras entre o ser individual e o todo.

Mas o que vocês fazem agora, o que sua missão foi e continua sendo, é contribuir para que esta luz – este sentido de unidade e completa segurança – seja trazida à Terra, para que possa encarnar nesta atmosfera terrena.

Ao fazer isto vocês poderão vacilar, pois às vezes duvidam que podem realmente estabelecer uma base desta energia na Terra. Existem dúvidas e medos, e por isto eu quero ajudá-los a se lembrarem quem vocês realmente são.

Quero trazê-los de volta à atmosfera de luz e amor da qual se originaram e, para isto, peço a cada um de vocês que imagine que está lá agora; desta forma, ancoramos uma porção dessa atmosfera aqui e agora na Terra. Pode-se dizer que essa é a atmosfera do Paraíso, ou daquilo que você imagina como Paraíso.

Permita que surjam quaisquer imagens que satisfaçam sua ideia de Paraíso. Escondida no fundo do seu coração, está a saudade desse lugar, desse amor e dessa luz. Visualize algo concreto. Talvez você veja uma linda paisagem diante de si, onde tudo floresce e cresce em profusão.

Veja-se caminhando através dela e encontre um lar para si mesmo. Crie uma paisagem, um lugar, onde se sinta confortável, onde esteja conectado com a natureza e todo o seu entorno. Venha descansar aí, e simplesmente fique nesse lugar e ouça os sons da natureza.

Veja a luz ao seu redor, as plantas e árvores que desabrocham. Sinta sua própria abundância, porque isto é você. Esse ambiente expressa aquilo que você realmente é. Inspire as energias curativas da natureza; traga-as para dentro de si. Sinta a magia do anjo que você é verdadeiramente nas profundezas do seu ser.

Os poderes divinos da criação pertencem à sua natureza. Você é a fonte de todas as suas criações; você pode manifestar tudo o que deseja e atrair tudo o que necessita. Se estiver nesse lugar, na sua parte do Paraíso, então será fácil e você verá que este modo de ser é natural para você. Sinta a paz desse lugar em todas as células do seu corpo.

E perceba que, partindo desse lugar, você viajou muitas vezes para a Terra, bem como para outros reinos, talvez menos densos e materiais do que a Terra, ou talvez para outros planetas. O fato importante é que você fez muitas jornadas: você, a alma, aquela essência, aquela centelha divina que se encontra no âmago do seu ser.

Imagine, por um momento, que você é um sol e consiste de uma luz quente e confortadora que o preenche e, a partir do centro desse sol, você envia raios para todos os tipos de realidade. Um desses raios está encarnado na Terra agora, e esse é você. Você está aqui para procurar oportunidades e maneiras de estabelecer sua luz; formas de irradiar seu poder solar tanto quanto possível, de modo que ele possa brilhar na Terra.

Entretanto, pode ser que você se perca de vez em quando, que se sinta preso num beco sem saída e fique impossibilitado de realmente vivenciar sua própria luz. Peço-lhe que abandone essa ideia – a ideia de que algo seja impossível, que você está preso, que você é impotente. Tente liberar essa sensação de retraimento por um instante.

Imagine que você realmente consegue sair desse beco sem saída e, usando aquele raio de sol que você é, volta para o centro do sol. Libere, por um momento, tudo na sua vida que você se esforça tanto para alcançar, que o desgasta tanto e tudo o que preocupa sua mente. Deixe que tudo isso se vá e, usando o feixe de luz que você é, navegue com aquele raio para o centro daquele sol, no âmago do seu próprio ser.

Veja-se de volta àquele lugar na natureza, no Paraíso, onde você sente que tudo é possível, onde você não está preso pelo tempo nem por limitações materiais. Então imagine que, nesse ponto, você encontra uma atividade criativa que realmente combine com você.

Imagine que você vive e trabalha lá e tudo que precisa está à sua disposição. Você tem, inclusive, amigos que o apoiam e estimulam, e com os quais você está conectado de uma forma amorosa. Imagine que você vive nessa parte do Paraíso, numa comunidade à qual pertence, e veja o que você adoraria fazer lá.

Qual a tarefa criativa que viria facilmente á sua mente?
Não se limite em sua imaginação.

O que você gosta de fazer? Gosta de trabalhar na natureza? Gosta de fazer ou construir coisas? Gosta de cozinhar? Você cria algum tipo de arte? Faz alguma coisa com música ou dança? Ou ajuda outras pessoas de alguma forma?

E, lembre-se, não existe nenhuma restrição – existe abundância.
Sua contribuição é valorizada.

Procure aquilo para o qual você é naturalmente atraído, e então se imagine fazendo essa atividade. E observe em que ritmo - quanto e com que frequência – você gostaria de estar envolvido na prática dessa atividade.

O que lhe parece bom?
O que o deixa feliz e satisfeito?

Procure aquele momento no qual você se sente completamente conectado com o mundo ao seu redor e no qual você sente profundamente: “Este sou eu; este é o meu modo de me expressar!”

Sinta a aceitação calorosa das pessoas à sua volta e como a natureza lhe agradece e o aprecia pela sua contribuição. Você vai adicionar algo ao todo, porque é uno com todos os outros e, ao mesmo tempo, faz uma contribuição única, exclusiva, para o todo.

Sinta como isso acontece com facilidade, como você pode contar com as inúmeras encarnações nas quais acumulou experiência relacionadas a essa atividade, a esse talento. Essa atividade criativa acontece por si mesma, por vontade própria, naturalmente, porque você já sabe muito sobre ela.

Imagine, então, que você pega essa atividade criativa e leva-a do Paraíso para o raio de luz da sua atual encarnação e deixa a energia do seu eu-sol interior entrar lentamente no seu corpo – aqui e agora. Mantenha essa imagem em mente: a facilidade, o amor, o carinho com que essa incorporação ocorre.

Confie que esses talentos se manifestarão facilmente e permita que eles entrem no seu coração físico, aqui e agora. Sinta novamente a magia daquele que você é. Permita que a luz flua através da sua coluna vertebral até o cóccix. Veja essa luz dourada fluindo lentamente para baixo pelo cóccix, pernas e pés e enraizando-se na Terra. E sinta como a Terra diz “sim” entusiasticamente para esse fluxo dourado que você é, porque a Terra quer ajudá-lo a se manifestar.

A partir desse fluxo de luz dourada, olhe para seu interior, para seus medos e dúvidas, para a parte de você que se sente impotente e incapaz de mudar suas circunstâncias externas. Imagine um beco sem saída onde uma parte de você sempre esbarra numa parede.

Então imagine como a luz dourada do seu eu-sol – aquela luz cheia de amor e compaixão – flui para dentro desse beco de um modo completamente acolhedor e o convida a sair de lá, simplesmente liberando a luta.

Existem oportunidades e possibilidades esperando por você. As coisas nem sempre são o que parecem ser e, às vezes, novas oportunidades vêm de uma fonte inesperada que você não consegue antecipar com sua mente racional.

Agora se envolva completamente nessa energia dourada. Saiba que a segurança e o amor dessa atmosfera de luz, provindos do lugar de onde você veio, também estão disponíveis agora, se assim você o permitir. Você só precisa dizer “sim” e confiar!

Muitas vezes você luta contra si mesmo. Existe em você um conhecimento, um desejo, uma saudade de estabelecer essa luz dourada na Terra e de se banhar nela. Entretanto, ao mesmo tempo, você vacila porque é pego em medos e dúvidas.

Apelo à sua determinação e à sua fé para que possa continuar persistindo, pois você realizou uma longa jornada através de muitas vidas e muitos séculos. Você veio com uma linda flor na sua mão, uma flor que você quer plantar aqui na Terra. E saiba que você está sendo ajudado e apoiado por energias de fora da Terra – por energias espirituais.

Confie que, mesmo que isto aconteça lentamente, você está chegando cada vez mais perto da sua própria essência. E assim, está fazendo o que pretendia ao vir para cá, ou seja, trazendo o Paraíso para a Terra.

Esta é a sua missão e este é o advento da Nova Era. A Nova Terra é você trazendo o Paraíso para a Terra. Cada um de vocês traz à Terra a sua parcela de luz e amor e a sensação de segurança associada ao Reino Celeste. Isto é o advento da Nova Era.

Eu saúdo todos vocês de coração e lhes envio energias de encorajamento e confiança. Vocês estão realizando algo grandioso e meu único desejo é tranquilizá-los e apoiá-los em seu caminho.


http://stelalecocq.blogspot.com/2014/11/jeshua-o-paraiso-na-terra.html
© Pamela Kribbe - www.jeshua.net - www.jeshua.net/por
Tradução de Vera Corrêa veracorrea46@ig.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...