Pesquisar este blog

Traduzindo

segunda-feira, 18 de abril de 2011

O Urso e o Pote de Mel


Atendi recentemente uma mulher que já tinha sido atendida por mim há cinco anos atrás. Segundo ela, foram três atendimentos.  Lembrei dela quando a vi e quando iniciou o seu relato, lembrei de sua história. 

O que mais me impressionou foi constatar mais uma vez como tocamos profundamente a vida das pessoas e, se perdemos o contato com elas, nunca ficamos sabendo o quanto. Ainda bem que tive a oportunidade que ela me proporcionou.

Ela me disse como sua vida se modificou a partir daqueles atendimentos. Enfrentou seus desafios e implementou as mudanças necessárias em sua vida. Não foi fácil mas ela teve coragem e venceu. Citou uma historinha que contei a ela e que foi a grande responsável por suas reflexões e mudanças. Procurei no Google a história e não encontrei. E não consegui lembrá-la inteiramente para contar aqui. Mas é algo assim:

Um urso estava na floresta com muita fome e achou um pote enorme de mel. Ao ver o pote agarrou-se a ele e ao fazer isso percebeu que o pote estava muito quente e queimava suas patas. Mesmo assim não conseguia soltá-lo por lembrar da fome que poderia passar de novo. Movia-se com dificuldade por ter que carregar o tal pote e perdeu oportunidades por isso. Não interagia com os amigos da floresta e não ia conhecer novos lugares, pois como poderia levar o pesado pote com ele? 

A moral da história é: Qual o pote de mel da sua vida? O que você precisa largar para prosseguir sua jornada com liberdade? O que te fere na vida e você não consegue abandonar por medo e por não confiar na Providência Divina?

Essa mulher descobriu qual era o pote de mel ao qual ela estava presa indefinidamente e finalmente o abandonou. A partir daí, sua vida fluiu como ela jamais imaginaria que fosse possível.

Agradeço a ela por ter me contado isso. Eu nem me lembrava mais da história mas gostei de saber dos resultados. 

Quando a pessoa está perto do momento de seu amadurecimento, uma simples história é capaz de promover a mudança necessária. Agradeço ao universo por ser uma das ferramentas dessa mudança.

Angela Cunha


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...